Mulher transgênero tem que sair repetidamente para a mãe com demência, tem resposta ‘linda’ toda vez

Tina Healy, da Austrália, saiu como transgênero há quase quatro anos. Com a mãe sofrendo de demência, Healy estava apreensivo sobre qual seria a reação dela.

“Muitos dos meus familiares [membros] estavam preocupados com o que aconteceria se eu fosse mãe, se ela estaria estressada demais para lidar com isso”, disse ela à Australian Broadcasting Corporation. Para surpresa de muitas pessoas, a mãe de Healy não era nada além de graciosa. “Bem, o que você sabe? Eu tenho uma linda filha nova. Venha aqui, amor”, ela disse em resposta..

A próxima vez que Healy visitou sua mãe, ela descobriu que não tinha memória da conversa. Então ela teve que sair de novo, e tem que fazer isso toda vez que vai ver sua mãe. Apesar de sua demência, sua mãe dá a mesma reação a Healy todas as vezes:

Eu vou e vejo mamãe a cada poucas semanas e ela é esquecida cada vez, e toda vez que eu digo a ela novamente, ela me dá a mesma reação linda que ela fez exatamente o mesmo, quase palavra por palavra toda vez. Eu sou o tipo mais sortudo de todos, porque eu saio para mamãe 100 vezes por ano, e todas as vezes ela é linda.

Healy primeiro compartilhou esta história emocionante em um recurso que a ABC estava fazendo em sua família. A saída de Healy inspirou sua filha, Jessica, a escrever um livro para crianças sobre o que significa ser transexual.

Healy tem outros três filhos e dois netos. “Se qualquer coisa, eu acho que minha família está mais perto porque eles sabem quem eu sou e eles podem se relacionar comigo como eu sou”, disse ela à ABC..

[através da Buzzfeed

Loading...